Dormir bem...

 

REDUZ O ESTRESSE

Durante o sono, o corpo diminui a produção de cortisol e adrenalina, ajudando a diminuir o estresse.

 

CONTROLA O APETITE

O sono ajuda a regular os hormônios que afetam e controlam o apetite, por isso quando se dorme mal, estes hormônios ficam desregulados e o apetite aumenta, levando a um desejo por alimentos ricos em calorias, gorduras e hidratos de carbono.

 

MELHORA O HUMOR

Pessoas que dormem bem durante a noite, andam mais contentes e bem-dispostas durante o dia. Pelo contrário, uma noite de sono insuficiente provoca agitação e mal-humor no dia seguinte. Além disso, quando dormir mal se torna um problema crônico, pode causar transtornos de humor de longo prazo, como depressão ou ansiedade, por exemplo.

 

ATIVA A MEMÓRIA

Dormir bem permite que o cérebro processe melhor as novas experiências e conhecimentos, melhorando a memória. Durante o sono, o cérebro processa e consolida as memórias do dia, por isso noites mal dormidas podem fazer com que as novas informações não fiquem armazenadas corretamente, prejudicando a memória.

 

ESTIMULA O RACIOCÍNIO

Dormir mal afeta a cognição, atenção e a tomada de decisão e, por isso, pessoas que dormem mal têm maior dificuldade a resolver problemas de lógica ou matemática e a cometer erros como deixar as chaves na geladeira por acidente, por exemplo.

 

REJUVENESCE A PELE

Uma boa noite de sono ajuda a rejuvenescer a pele, diminuindo as rugas e linhas de expressão, pois durante a noite as células da pele renovam-se e descansam e é produzida melatonina que ajuda a prevenir o envelhecimento